Próxima Edição - 18 de novembro

12.6 C
Gondomar
Segunda-feira, Outubro 25, 2021

Época festiva mais ‘quente’ com esforço de Autarquias

Também pode ler

[smartslider3 slider=”25″]

Para os autarcas de Gondomar é urgente manter a magia que o Natal traz à cultura portuguesa. E, é nesse sentido que realizaram esforços para tornar o Município de Gondomar mais ‘quente’ num ano frio, recheado de preocupações. As decorações, as luzes e os presépios que já foram ou que ainda serão colocados servem para relembrar aos gondomarenses que o Natal é uma época onde a esperança reina, a esperança para um 2021 mais sorridente.

Comecemos por Rio Tinto, estivemos à conversa com Nuno Fonseca que nos revelou o
que a Junta estava a preparar para os Riotintenses. “Como todas as pessoas este ano tivemos que nos readaptar, tivemos que alterar aquela nossa tradicional iniciativa que era o circo de natal” dado às restrições impostas pela DGS. Apesar disso outras soluções foram criadas para os mais novos, “vamos substituir a prenda que dávamos às crianças no circo de natal, vamos dar uma prenda física simbólica, com as devidas regras de segurança. Não queremos que o natal passe em branco e que não haja aqui uma não comemoração de uma época tão especial, estes presentes são para todos os meninos até aos 10 anos” e como para o Presidente ‘’Rio Tinto somos todos nós’’, esta lembrança será atribuída tanto ao ensino privado, como também ao ensino público. Além disto, haverá ainda as tradicionais árvores de Natal, com a diferença que este ano decorrerá noutros parâmetros, “vai haverá menos árvores devido à inatividade de algumas instituições, nomeadamente a parte Associativa, porque infelizmente estas encontram-se encerradas e, para não criar ajuntamentos, nós não vamos colocar as árvores todas juntas, vamos distribuí-las pelas rotundas, com um placar alusivo ao nome da escola”. O sistema de votação destas 25 árvores vai ser realizada como já é habitual nas redes sociais da Junta. Ainda por terras Riotintenses, o autarca revela que este ano haveria um “grande acontecimento” que era um presépio em tamanho real, seria um grande investimento da Junta de Freguesia que tentaram “adiar o inadiável, mas tivemos de ser realistas e adiar a apresentação do presépio”, no entanto, para que este não fique sem efeito, “vamos fazê-lo e gravar um vídeo que será posteriormente lançado nas nossas redes sociais e que se fará acompanhar duma mensagem da Junta para a população”. Está previsto reforçar a iluminação do edifício da Junta de Freguesia (que terá ainda uma árvore de Natal), bem como das zonas comerciais e nas das ruas.

Na União de Freguesias de Fânzeres e São Pedro da Cova o planeamento para o Natal
já está finalizado e começa a ser implementado. Pedro Vieira, Presidente da União de Freguesias adianta que “ao longo destes últimos anos temos feito um natal com várias iniciativas no sentido de comemorar esta quadra”. A primeira que o edil enumera é o Natal junto aos mais novos. Como já é habitual, todos os anos esta União de Freguesias realiza a tradicional festa de Natal com as crianças, onde atribui uma prenda a cada menino. No entanto, perante a atual situação “não será possível realizar estas comemorações, mas entregaremos na mesma uma prenda às crianças” constata o autarca. Ainda para os mais novos, Pedro Vieira aponta para outra iniciativa que já é tradicional com as escolas de ambas as Freguesias que é o concurso de enfeite das rotundas e dos jardins públicos. Neste concurso as escolas da União de Freguesias recebem um vale que podem usufruir junto às papelarias aderentes, para comprar material escolar. Este ano, como novidade a autarquia local colocou oito placas para apoiar o comércio local, “aqui a União de Freguesias quer dar um impulso ao comércio” o intuito do executivo é incentivar a população a fazer as suas comprar junto a estes estabelecimentos que sofreram e estão ainda a sofrer com as mazelas provocadas pela pandemia. Quanto à iluminação, Pedro Vieira revela que será colocado um painel de luzes em cada uma das Freguesias a desejar as boas festas.

Quanto à Junta de Baguim do Monte, o Presidente Francisco Laranjeira explica que tinha cabimentado um orçamento inicial de 10 mil euros, mas que em virtude das restrições impostas reduziu este orçamento inicial na ordem dos 7 mil euros.

Na União de Freguesias de São Cosme (Gondomar), Valbom e Jovim, o Presidente António Braz revela que este ano “o Município foi austero e, foi-nos comunicado que vai haver na entrada das freguesias uma mensagem de natal”, o edil explica ainda que a nível da União de Freguesias, irá colocar umas luzes em cada edifício de Junta e ainda que “a maioria do que vai haver nas freguesias vai ser pelo Município. Vai ser gasto algumas dezenas de euros, não passará disso, será algo residual, utilizaremos algumas coisas que temos do ano passado”. António Braz afirma que manterá a parceria com as Donas de Casa de Gondomar que realizarão um presépio em cada Junta de Freguesia.

No alto concelho, José Paiva, Presidente da União de Freguesias de Melres e Medas começa por abordar a iluminação já inaugurada no dia 1 de dezembro. “Colocamos uma árvore de Natal junto às igrejas de Melres e Medas”, em simultâneo as principais zonas comerciais da União de Freguesias, como é o caso da Rua das Quintãs encontram-se iluminadas. Os edifícios das Juntas desta União também ficaram mais coloridas com as luzes colocadas. O autarca revela ainda que na rotunda da A41, “que no fundo é uma das portas de entrada da União de Freguesias” também está iluminada com um presépio. Para os mais novos, a festa de Natal realizou-se num formato diferente ao já habitual, formato este que ganhou peso neste ano de 2020, as comemorações dos mais novos foi realizada numa plataforma disponível na internet- o Zoom- na  segunda feira passada, dia 14 de dezembro, pelas 11h, com crianças das escolas primárias e dos jardins de infância da União de Freguesias. No total a União de Freguesias disponibilizou um orçamento aproximadamente de 1500 euros para esta época festiva.

Ainda no alto concelho, o Presidente da União de Freguesias de Foz do Sousa e Covelo, Isidro Sousa, também quis comemorar esta época especial, é nesse sentido que foi colocado uma árvore de Natal no Centro Social e paroquial do Foz do Sousa, uma árvore de natal na rotunda de Santo Amaro, próximo ao centro de Saúde, os meninos das escolas e dos Jardins de Infância vão ainda colocar os seus trabalhos.

Quanto ao investimento camarário, incluindo a iniciativa de Natal do Compre+ Local em conjunto com as luzes, ronda os 35 mil euros. A vereadora responsável, Claúdia Vieira revela que “nós entendemos que a magia do Natal, o calor do Natal deve continuar e, portanto, este fator emocional é fundamental para o nosso bem estar e as luzes de natal criam este sentimento e nós este ano optamos por, para além da corrente de iluminação junto aos pontos de maior comércio, apostar também em elementos ornamentais iluminados para que as pessoas nos seus territórios possam, se assim o entenderem, tirar uma fotografia, levar os seus netos, os seus filhos, as crianças, para junto destes elementos que estarão dispersos por todo o território, inclusivamente este ano vamos ter até na Lomba”. ▪

- Publicidade -spot_img

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias