Próxima Edição - 21 de outubro

13.8 C
Gondomar
Sábado, Outubro 16, 2021

Apresentação das Iniciativas culturais de Fânzeres e São Pedro da Cova

Também pode ler

> Pedro Barbosa e Pedro Vieira na apresentação das iniciativas culturais da União de Freguesias

A União de Freguesias de Fânzeres e São Pedro da Cova anunciou os cartazes das cinco iniciativas culturais da autarquia- o 6º concurso de Curtas Metragens de Fânzeres e São Pedro da Cova; o 30º Prémio Nacional de Poesia da Vila de Fânzeres; o Conta-me um Conto; as Quadras Populares ao São Pedro; e a 3.a Bienal de Arte da Vila de Fânzeres – Fotografia – Património.

O primeiro concurso apresentado foi o de Curtas Metragens. Esta iniciativa pretende motivar o desenvolvimento da capacidade de realizar um projeto audiovisual. No regulamento do concurso está estipulado que o tema do projeto é aberto à criatividade e podem participar todos os cidadãos nacionais e estrangeiros, de forma individual ou em grupo, profissionais ou amadores. São considerados critérios de avaliação “a qualidade da mensagem, a originalidade, a criatividade, a narrativa, o argumento, a componente técnica e estética da Curta de Metragem”.

Na apresentação os responsáveis do executivo destacaram a forte adesão à iniciativa que tem vindo a sentir com o decorrer das edições. A intenção dos responsáveis é estimular a criação amadora da sétima arte. Os vencedores do Concurso de Curtas Metragens estão habilitados a ganhar um prémio no valor de 200 euros para o primeiro lugar, 150 euros para o que ficar qualificado em segundo lugar e 100 euros ao terceiro lugar. Serão atribuídos 100 euros ao melhor projeto realizado por um residente da União de Freguesias de Fânzeres e São Pedro da Cova. O concurso tem tido alcance internacional com curtas recebidas do Reino Unido, França, Alemanha, Espanha e até mesmo dos Estados Unidos da América. Os trabalhos terão de ser entregues até ao dia 30 de junho. Esta iniciativa conta com o apoio Rui Castro Team – Especialistas Imobiliários RE/Max.

A segunda iniciativa apresentada foi a 30ª edição do Prémio Nacional de Poesia da Vila de Fânzeres. A iniciativa pretende promover novos talentos de poesia a nível nacional. O concurso possibilita ao vencedor a “Publicação de um livro da obra premiada e o valor monetário de 500 euros, considerando-se assim pagos os direitos de autor. Esta edição terá uma tiragem de 200 exemplares”. As entregas dos trabalhos devem ser realizadas até ao dia 28 de maio e a decisão do júri será publica no site da Junta de Freguesia, no dia 30 de julho de 2021. O conteúdo da obra é aberto à criatividade do participante. Este Concurso tem o apoio de Elefante Editora. Em comemoração do 30º aniversário, a Junta de Freguesia irá lançar uma Antologia do Prémio Nacional de Poesia da Vila de Fânzeres.

O terceiro concurso apresentado foi a 7ª edição do Conta-me um Conto. No regulamento consta que “este prémio pretende promover e consolidar hábitos de leitura e de escrita criativa, entre os mais jovens”. A iniciativa destina-se a todos os alunos do 1º,2º e 3º Ciclo do Ensino Básico e Secundário. O aluno que ganhar o primeiro prémio receberá um vale de 100 euros em material escolar, o participante que ficar no segundo lugar receberá um vale de 75 euros e o terceiro qualificado ganhará um vale de 50 euros em material escolar.

A entrega dos trabalhos é até ao dia 7 de maio e as obras apresentadas têm de ser obrigatoriamente originais. É proibido a realização de plágio parcial ou total de qualquer outra obra, caso aconteça, o concorrente é desqualificado. Esta iniciativa conta com o apoio da papelaria Cavada Nova.

O quarto cartaz apresentado corresponde à iniciativa da 38ª edição do Concurso das Quadras Populares. Segundo os responsáveis, este concurso pretende “distinguir, pela sua qualidade, as melhores quadras populares alusivas aos festejos de São Pedro”. Cada participante tem a possibilidade de enviar cinco quadras, “As quadras poderão ser de qualquer género, dando-se primazia às que acusem maior perfeição de forma”. O executivo encontra-se satisfeito pelo facto de que este concurso tem vindo a sentir um aumento de inscrições de pessoas do concelho de Gondomar, como de outras regiões do país. Com o objetivo de preservar esta tradição cultural a União de Freguesias lançou, junto dos mais jovens, a categoria sub-18.

Os prémios serão entregues durante as festas do padroeiro, São Pedro e São Paulo, no Auditório da Junta de Freguesia de São Pedro da Cova. A qualificação dos trabalhos será realizada através de um júri. As quadras têm de incluir, obrigatoriamente, os temas habituais de manjericos, balões, rusgas, orvalhadas, marchas, fogueiras, entre outros. Os trabalhos têm de ser entregues até ao dia 28 de maio.

O quinto cartaz apresentado é a 3.a Bienal de Arte da Vila de Fânzeres – Fotografia – Património. A Junta de Freguesias de Fânzeres, em parceria com a ARGO, Associação Artística de Gondomar, decidiram promover mais uma bienal de Arte. Este ano, o concurso será de fotografia, cujo tema é o património. Os trabalhos devem ser enviados até ao dia 25 de junho. Esta Bienal conta ainda com o apoio da GlobalTrade.

Segundo o Presidente Pedro Vieira, estes concursos pretendem valorizar “o nosso património, a nossa cultura, as nossas tradições e a nossa identidade”. O mesmo aproveitou o momento para constatar que de ano para ano o número de participantes, tanto a nível nacional como internacional, têm vindo a aumentar.

O importante para os organizadores é continuar a investir na cultura que contribui para o desenvolvimento do Homem intelectual. Os regulamentos de todos os concursos estão disponíveis no site da União de Freguesias de Fânzeres e São Pedro da Cova. ▪

- Publicidade -spot_img

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias