Próxima Edição - 21 de outubro

18.6 C
Gondomar
Domingo, Outubro 17, 2021

PAN apresenta candidato à Câmara de Gondomar

Também pode ler

O nome escolhido para disputar a corrida em setembro é Nuno Santos. Tem 33 anos e é natural da freguesia de São Pedro da Cova, é Assistente Comercial e muitos o conhecem por ser um ativista na defesa dos direitos dos animais, sendo que é o responsável e fundador do Movimento: Animais de São Pedro- Movimento de Defesa Animal. O candidato descreve-se como um indivíduo que sempre teve um sentido de comunidade.

O convite a Nuno Santos surgiu por parte de Bebiana Cunha, Líder Parlamentar do PAN. Por identificar-se com as ideologias defendidas pelo partido, Nuno aceitou o desafio proposto. Sobre o grupo que o acompanha nesta corrida eleitoral, o representante do partido, descreve-o como um grupo “Sensacional” e acredita que por isso, está confiante que em setembro o partido irá obter bons resultados. Sobre o grupo que o acompanha, Nuno acrescentou que é mais rico, porque são provenientes de diversas áreas profissionais.

Ainda sobre a sua equipa, o mesmo descreve-a como “Um grupo democrático” e compromete-se que estarão disponíveis para ouvir as ideias dos outros: “Queremos que os gondomarenses pensem em nós como um grupo diferente. As nossas siglas simbolizam potenciar as pessoas, defender a causa animal e o respeitar da natureza”. Durante a entrevista, o candidato começa por referir algumas falhas que o concelho de Gondomar enfrenta, muitas originadas pela pandemia que, em parte, acabou por “Afetar todo o país, a nível socioeconomico”. Os pontos mencionados pelo candidato passam pela falta de emprego, a falta de habitação, a carência de transportes públicos e a necessidade de melhorar a qualidade de vida dos gondomarenses.

“Esse vai ser o nosso principal foco, tanto dos humanos e não humanos”, que continua a referir que “Sabemos que existem questões dos serviços públicos que não funcionam tão bem, que é o caso das Águas de Gondomar. Vamos focar nisso para que os gondomarenses melhorem a qualidade de vida. A questão do Emprego é delicada. Sabemos que temos aqui em Gondomar, várias zonas industriais que estão abandonadas. Temos uma grande força trabalhadora que não esta a ser aproveitada. A Câmara não tem tentado atrair empresas, deveríamos ainda trazer mais empresas sustentáveis pelo bem estar do nosso planeta. A Habitação Social é muito importante, ainda por cima com a pandemia a situação agravou-se. A classe alta passou a ser classe média, a classe média passou a ser classe baixa e o Município tem que procurar dar respostas a este problema. Em relação aos transportes há muitas falhas, nomeadamente na necessidade de resposta da população do Alto do Concelho -Melres, Medas, Lomba, Foz de Sousa e Covelo. Necessitamos ainda de meios mais Ecológicos. Notamos o dinamismo quando o Metro chegou a Rio Tinto e pensamos que será muito importante quando o mesmo chegar ao Centro de Gondomar. Esta questão dos transportes devia ter sido melhor gerida, até porque o Governo também é do PS”.

Ainda no quesito do ambiente, Nuno deixa assente que “Esta autarquia usa muitos os Parques Urbanos como bandeira dos últimos 8 anos, mas na realidade são zonas de lazer”. O partido reforça as preocupações com o ambiente, principalmente no que concerne com o “Problemas das descargas que são realizadas”, isto porque “existe uma riqueza natural e hídrica no nosso concelho e ela não é protegida, falamos do Rio Sousa, Rio Ferreira, Rio Douro. Sabemos que as Etares são importantes para os recursos hídricos do nosso concelho, mas temos falhas nessa gestão”. O Partido promete lutar e diz que estará atento para estas situações, “A Autarquia tem responsabilidades neste capítulo e a empresa Águas de Gondomar também”.

O candidato acrescenta ainda que estará atento às questões correspondentes ao Canil Municipal e do Parque das Serras do Porto. Sobre o Parque das Serras do Porto refere que “É um parque que tem um potencial enorme e que não está a ser dinamizado da melhor forma”. Ainda no ambiente, menciona as praias do concelho de Gondomar: “Assim como a poluição dos rios, vamos estar atentos às praias de Gondomar, mais concretamente à praia de Melres e de Zebreiros”.

Nuno Santos termina referindo que o foco da campanha será retirar a maioria do PS, com o intuito de “Permitir o debate político” que segundo o mesmo, nos últimos anos, “Não tem existido em Gondomar”. Um bom resultado para o partido seria “Eleger um ou dois deputados”. Sobre a sua campanha revela o seguinte, “Queremos fazer uma campanha na vertente positiva, para que depois, em Assembleia, possamos demonstrar as ideais do PAN”. ■

- Publicidade -spot_img

Mais artigos

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Publicidade -spot_img

Últimas Notícias