Parque Urbano do centro de Gondomar

Marco Martins: “Nós temos uma rede de parques urbanos que já fomos definindo, este nunca foi anunciado”

Depois do lote de Parque Urbanos já conhecidos e propostos para o município, Marco Martins avançou em primeira mão ao VivaCidade o novo Parque Urbano do centro de Gondomar, com o objetivo de “dar um novo ar a Gondomar”.

Novo Parque Urbano em Gondomar 

Na rede que tínhamos divulgado na campanha tínhamos Rio Tinto que está feito, tínhamos Fânzeres/São Cosme que está em execução, Ribeira da Archeira que está em revisão do projeto, Baguim do Monte, Medas, São Pedro da Cova e o passadiço de Rio Tinto que já está concluído. Esta é a rede de parques urbanos que propusemos para o município. Entretanto havia uma questão que estávamos a trabalhar e que só anunciamos publicamente há 3 meses atrás quando foi possível fazê-lo, que é o Parque Urbano do Centro de Gondomar. 

Objetivo do Parque Urbano

O objetivo é dar a quem entra na cidade no seu maior acesso, vindo do IC 29 saindo no nó do Multiusos, uma entrada franca e aberta para o concelho com uma zona que capte as pessoas e que consiga dar um ar urbano e de cidade. É uma grande aposta em São Cosme e a ideia é requalificar aquele espaço, fazendo uma ligação entre aquilo que já existe, prevendo já a passagem naquele local da futura linha do metro que vai circundar o parque por dois lados. Vem do Hospital Fernando Pessoa, passa na Avenida Oliveira Martins e vira à esquerda em direção ao Souto, isso já está previsto. Temos um pequeno anfiteatro, temos um pequeno bar de apoio, uma esplanada, casas de banho e o percurso a toda a volta. Hoje quem entra em Gondomar vê prédios altos, um supermercado e um terreno a monte. Tentamos, e foi o Carlos Brás que teve a fazer esse trabalho todo, perceber se aquela questão que tem mais de 40 anos de conflito entre proprietários se resolvia para negociarmos a aquisição. Não foi possível isso acontecer, ainda há conflito entre esses proprietários a qual a Câmara é alheia. Por isso, propusemos à Assembleia Municipal, que já provou um processo de expropriação para aquele terreno. 

Investimento

É um investimento inteiramente suportado pela Câmara Municipal de Gondomar. Estamos a falar de um investimento que vai revolucionar o centro de Gondomar na ordem dos 4 milhões de euros, nos quais se destacam 2,6 milhões para o terreno, à volta de 70 mil euros para o projeto e estudos, e 1,3 milhões para a construção. Por analogia, o Parque Urbano de Rio Tinto tem mais 70% da área do que este. Este tem 23 mil metros quadrados o de Rio Tinto tem 36 mil. O de Rio Tinto ficou por 2,6 milhões e este vai ficar por 4 milhões.

Autoria do projeto

Nós convidamos um arquiteto jovem premiado da nova geração de Gondomar, o Paulo Merlini, que tem ganho vários prémios internacionais. Convidámo-lo a ele e a uma equipa que ele escolheu, agarrou a ideia e confesso que nos surpreendeu positivamente quando nos veio apresentar o projeto. 

Planta do projeto

Assumimos encerrar uma rua, tal como fizemos em Rio Tinto com a Rua da Ranha e vamos juntar ainda, já negociado com o proprietário do terreno a poente da rua, 2500 metros. Existe um projeto para a construção de edifícios e nós já negociamos com os proprietários que só viabilizamos a construção com a cedência daquela área ao domínio púbico, ao que se juntam mais de 4000 do arruamento a encerrar e os 14 mil do terreno principal. Tem vários acessos pedonais em frente à Junta de Freguesia para fazer um corredor que vai ligar em frente a Igreja Matriz. Tem a entrada principal que é uma escadaria voltada para a rotunda do ourives, quem entra em Gondomar vai passar a ver uma escadaria a uma cota mais elevada, tem uma série de percursos à volta, tem o café com a esplanada, tem um lago, tem um anfiteatro para fazer pequenos eventos e vai ter uma zona com parque canino e um parque infantil. 

Apresentação do projeto

Dia 26 vamos apresentar o projeto e a ideia é fazer como em Rio Tinto, colocar em discussão pública, para que as pessoas possam ver, possam participar e até 31 de outubro aceitaremos sugestões e melhorias. Será uma discussão pública que vai demorar 1 mês e 5 dias.

Data prevista de conclusão da obra

A nossa expectativa é que o parque possa ficar pronto em meados de 2021 no máximo. O ideal era estar pronto daqui a um ano e meio, mas hoje em dia como está o mercado é impossível prever. Com este projeto daremos um novo ar a Gondomar e um ar de futuro à cidade. Passamos na área nobre do centro de Gondomar de uma zona edificável para uma zona pública e de lazer, tal como aconteceu no centro de Rio Tinto. ■

,
Um comentário em “Parque Urbano do centro de Gondomar
  1. Olá acho otimo o que estao a fazer, so fazia dava uma opiniao, porque não colocar mais parques infantis pelos” meios”como tem em Rio-Tinto?Acho que seria muito bom e no caso ate com umas partes cobertas para as chuvas e muito sol.As nossas crianças necessitam de brincar ao ar livre estao a ficar muito “estufas” e claro os parques não ficam tao vazios,so se vendo as pessoas que fazem desporto!
    Obrigado pelo tempo disponivel
    Está um trabalho lindo, mas acho que está tao bonito aquele espaço em Rio-Tinto que deviam apostar noutros pontos estrategicos

Comments are closed.