APPC distinguida por práticas de responsabilidade social

APPC distinguida - julho 2016

Armando Guimarães recebeu as distinções da APPC / Foto: Pedro Santos Ferreira

A Associação do Porto de Paralisia Cerebral (APPC) foi distinguida a 12 de julho com o Diploma de Reconhecimento pelas suas práticas de responsabilidade social.

A Associação Portuguesa de Ética Empresarial (APEE) realizou na Casa do Alentejo, em Lisboa, uma cerimónia que visou premiar instituições nacionais que assumem um papel de relevância nas práticas sociais desenvolvidas.

Entre as várias distinções, destaca-se o Diploma de Reconhecimento atribuído à APPC pelas boas práticas de responsabilidade social. A instituição que marca presença em Valbom foi distinguida nos projetos “APPC Plena de vida” (na categoria Trabalho Digno e Conciliação), “Defender a Cidadania – Direitos, Deveres, Participação e Igualdade” (na categoria Direitos Humanos) e “Somos o que partilhamos” (na categoria Comunidade).

As distinções atribuídas pela APEE foram recebidas por Armando Guimarães, representante da Associação do Porto de Paralisia Cerebral.

Ambiente, comunidade, mercado, partes interessadas, trabalho digno e conciliação, voluntariado e direitos humanos foram as áreas de atuação que a APEE “premiou” na segunda edição do Programa de Reconhecimento de Práticas de Responsabilidade Social.

A iniciativa contou com o apoio da Associação Industrial Portuguesa, Confederação Empresarial de Portugal, Confederação do Comércio e Serviços de Portugal e IAPMEI. Foram admitidas nesta edição um total de 24 organizações, com e sem fins lucrativos.

, , , ,