ARCUCRA reclama novo espaço no 7.º aniversário

7.º Aniversário ARCUCRA - 2015

O aniversário realizou-se na sede da associação / Foto: Pedro Santos Ferreira

A Associação Recreativa e Cultural da Urbanização do Crasto (ARCUCRA) assinalou o 7.º aniversário da coletividade a 26 de novembro na sede da associação. José Pinto, presidente da direção, reclamou “espaço para crescer mais”.

Os associados da ARCUCRA, coletividade sediada na Urbanização do Crasto, em Baguim do Monte, assinalaram o 7.º aniversário da associação num momento de convívio em festa.

Ao Vivacidade, José Pinto, presidente da direção da ARCUCRA, lembrou uma das reclamações mais antigas da coletividade, a necessidade de “ter um espaço maior”. “Não temos uma coletividade que nos dê condições sequer para festejar o nosso aniversário. Anunciamos aos convidados que iríamos ter um momento de dança mas tivemos que cancelar por falta de espaço. Não crescemos mais porque não nos deixam, mas está prometido que não vou desistir”, afirma o dirigente associativo.

O pedido foi repetido durante a cerimónia de aniversário, perante a Chefe da Divisão da Habitação Social da Câmara de Gondomar, Carlota Teixeira. A representante da autarquia recordou aos associados que o processo de alargamento das instalações “está a ser tratado pela autarquia” e salientou “a importância da coletividade pelo trabalho desenvolvido em função dos moradores da urbanização”.

A ARCUCRA está representada no futsal e ambiciona ter uma equipa federada a competir na modalidade.

, , , ,