Cannes Corporate Media & TV Awards premeia “Patagónia”

Paulo Ferreira vai deslocar-se a Cannes para receber mais um prémio / Foto: Direitos Reservados

O documentário “Patagónia – A Ponta do Mundo”, do fotógrafo gondomarense, Paulo Ferreira, foi premiado no festival Cannes Corporate Media & TV Awards.

Entre os dias 26 e 27 de setembro, o documentarista Paulo Ferreira, natural de Gondomar, vai deslocar-se a Cannes, no sul de França, para receber mais um prémio pelo filme “Patagónia – A Ponta do Mundo”.

O documentário foi premiado na categoria B18 – Natureza, Ambiente e Ecologia e está entre as 201 obras premiadas da 9ª edição do Cannes Corporate Media & TV Awards.

“É sempre bom receber este tipo de reconhecimentos, sobretudo os que vêm dos principais festivais internacionais. Acaba por ser uma valorização de uma técnica que tenho vindo a aprimorar. Também acredito que a forte mensagem ambiental que incuto nos meus trabalhos está a ser reconhecida”, afirma Paulo Ferreira, em declarações ao Vivacidade.

O “Patagónia” junta, assim, mais um “título” aos muitos outros já alcançados, com destaque para o galardão máximo no Hollywood International Independent Awards e no Finisterra Arrábida Film Art & Tourism Festival, tendo passado por vários festivais internacionais de cinema. 

Documentário também foi nomeado para o Viva Festival
O documentário “Patagónia – A Ponta do Mundo”, do fotógrafo gondomarense, Paulo Ferreira, foi igualmente nomeado para os prémios do Viva Festival 2018, em Sarajevo, na Bósnia e Herzegovina. A cerimónia vai realizar-se no dia 15 de setembro. 

, ,