Centro de Emprego de Gondomar assinalou 25.º aniversário

25.º Aniversário IEFP Gondomar - março 2017

O descerrar da placa comemorativa foi um dos pontos altos da cerimónia / Foto: Pedro Santos Ferreira

O Centro de Emprego de Gondomar comemorou, no dia 9 de março, o 25.º aniversário da sua existência. Carla Vale, diretora da instituição, foi mestre de cerimónias num evento que contou com a presença do secretário de Estado do Emprego, Miguel Cabrita.

O Centro de Emprego de Gondomar festejou 25 anos ao serviço dos gondomarenses. Cidadãos, empresas e entidades do concelho reuniram-se nas instalações do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), sita na Rua Padre Augusto Maia, em São Cosme, para comemorar o 25.º aniversário da instituição.

A cerimónia teve início com o descerrar de uma placa comemorativa da efeméride, que ficou a cargo de Carla Vale, diretora do Centro de Emprego de Gondomar, Marco Martins, presidente da Câmara Municipal de Gondomar, e Miguel Cabrita, secretário de Estado do Emprego.

“Estamos a celebrar 25 anos ao serviço dos cidadãos, das empresas e das entidades do concelho. São 25 anos de serviço altamente qualificado e profissional, de atenção e disponibilidade ao cidadão. São 25 anos de implementação de políticas públicas de emprego e formação profissional”, afirmou Carla Vale.

Em discurso, a responsável pelo Centro de Emprego de Gondomar recordou os principais programas e medidas de incentivo à formação e emprego implementadas no concelho. “A taxa de desemprego é a mais baixa dos últimos oito anos, a taxa de desemprego jovem está a diminuir desde 2013 e o emprego regista o valor mais elevado desde 2011. Estes indicadores confirmam a confiança, segurança e abertura das empresas a novos desafios. Contudo, temos de dar resposta à qualificação dos cidadãos, sejam eles desempregados ou empregados”, apontou a diretora do Centro de Emprego de Gondomar.

Por sua vez, Marco Martins, presidente da Câmara Municipal de Gondomar, vincou “o trabalho e empenho do Centro de Gondomar, da sua equipa e dos seus técnicos”, sobretudo “nos anos mais complicados da crise que Portugal atravessou”. “Sempre tivemos aqui [IEFP] uma porta aberta que nos permite avançar para o futuro. O nosso próximo desafio é qualificar e preparar os gondomarenses para os desafios que aí vêm. Felizmente, em Gondomar, este serviço público é de excelência”, referiu o edil gondomarense.

Também Miguel Cabrita, em discurso, destacou o “bom exemplo de serviço prestado no Centro de Emprego de Gondomar”, admitindo, no entanto, que “existem aspetos por melhorar”. “O país tem neste momento uma taxa de desemprego ligeiramente superior a 10%, mas temos que trabalhar para dar continuidade a essa descida. Gondomar tem sido capaz de acompanhar esta evolução positiva, mas ainda temos um elevado número de desempregados registados neste concelho. Recordo que já temos aqui vários centros ‘Qualifica’ que podem ajudar as pessoas que estão nesta situação”, lembrou o secretário de Estado do Emprego.

A sessão solene contou ainda com um exemplo de sucesso sediado em Rio Tinto. Ricardo Magalhães, diretor de operações do grupo Menina Design, explicou o conceito diferenciador da marca e lembrou o “importante apoio” do Centro de Emprego de Gondomar no crescimento da marca. “Hoje somos um grupo com impacto nacional e internacional. O IEFP tem tido um grande contributo nesse desempenho”, recordou Ricardo Magalhães.

O Centro de Emprego de Gondomar tem sido parceiro do tecido empresarial, associações, autarquia, instituições e das pessoas que habitam em Gondomar, contribuindo para a procura de respostas inovadoras de emprego e qualificação de recursos humanos.

Refiram-se que estiveram presentes representantes da Câmara Municipal de Gondomar, Juntas de Freguesia, Hospital-Escola da Universidade Fernando Pessoa, Federação das Coletividades do Concelho de Gondomar, Associação Comercial e Industrial de Gondomar, IPSS’s e associações do concelho, entre outras entidades.

, , ,