Centro Social da Lomba festejou 32.º aniversário

Centro Social da Lomba - junho 2017

O Centro Social da Lomba festejou o 32.º aniversário no final de maio / Foto: Direitos Reservados

Nos dias 26, 27 e 28 de maio, o Centro Social da Lomba festejou 32.º aniversário com diversas atividades. Ao Vivacidade, Joaquim Viana, presidente da direção da instituição, destaca “o empenho diário de todos os colaboradores”.

O Centro Social da Lomba preparou uma vasta programação para comemorar os 32 anos da fundação da Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS).

No dia 26 de maio, teve lugar o Jantar Convívio, no salão nobre da instituição. A iniciativa teve cerca de 150 convidados e contou também com um momento musical protagonizado pelos fadistas Rogério Lourenço e José Norim, acompanhados por Mário Henrique (guitarra) e Bruno Brás (viola).

Já no dia 27, foi a vez da artista gondomarense Maria do Sameiro protagonizar um show, juntamente com as suas bailarinas.

Para o último dia das comemorações, ficou reservado o 1.º Encontro Solidário de Bandas Filarmónicas, no Largo Nossa Senhora do Ó. Participaram neste encontro a Banda Musical de Melres e a Banda de Música da Trofa, tendo a iniciativa ficado marcada por um leilão solidário.

“O Centro Social da Lomba tem 47 utentes em permanência, 17 utentes em apoio domiciliário, mais 17 no Centro de Dia e centenas em lista de espera. Somos uma instituição procurada por todos os locais da Área Metropolitana do Porto e a única que gera emprego e que movimenta o comércio local na Lomba”, recorda Joaquim Viana, presidente da direção do Centro Social da Lomba.

Ao nosso jornal, o dirigente lamentou os entraves colocados pela Junta de Freguesia da Lomba, durante o atual mandato. “Tenho pena que a Junta tenha vindo a funcionar como um parceiro negativo: não nos ajuda e só nos cria problemas. Temos processos nas instâncias judiciais conta a autarquia e da autarquia contra nós, por isso, só posso concluir que este seja um problema pessoal comigo”, conclui Joaquim Viana.

, , , ,