Cobertura do passadiço em São Pedro da Cova vence Orçamento Participativo

O OP’18 teve oito propostas em votação / Foto: Arquivo Vivacidade

A construção de uma cobertura do passadiço no ribeiro de Parada, em São Pedro da Cova, foi a proposta mais votada do Orçamento Participativo de Gondomar. A obra deverá ficar concluída até ao final deste ano.

Está concluída mais uma edição do Orçamento Participativo (OP) de Gondomar, uma iniciativa do Município, que desafia os munícipes a apresentar propostas e eleger a melhor ideia para usufruto da comunidade.

Este ano a construção de uma cobertura do passadiço no ribeiro de Parada, em São Pedro da Cova, entre o Centro Social de Silveirinhos e a Associação Social Estrelas de Silveirinhos, foi a proposta mais votada, tendo obtido 417 votos.

Na síntese da proposta vencedora é dito que “todos os dias, faça chuva ou sol, o passadiço que une ambas as partes é atravessado por uma vasta comunidade de crianças, jovens e idosos, quer para usufruírem das valências e atividades postas à sua disposição, quer apenas para conviver”. Por isso, avança a proposta, é necessário “cobrir o passadiço com uma estrutura de aço inox e vidro, criando assim as necessárias condições de segurança e proteção a todos aqueles que diariamente o utilizam”.

A segunda proposta mais votada, com 61 votos, foi a da Vivanimal, que indicava a necessidade de construção de “boxes” para animais já na posse daquela instituição. No terceiro posto, com 50 votos, ficou a proposta que avançava para a construção de um parque infantil, corredores externos cobertos e espaço externo coberto na receção ao aluno na EB1 e JI do Taralhão, em S. Cosme.

“Esta proposta será agora alvo de concretização, tendo em consideração o quadro normativo e legal, a dimensão e condições especifica do projeto. A sua previsão é de conclusão no ano orçamental, umas vezes isso é possível, outras não, por várias razões. Sendo certo que são propostas e aprovadas no orçamento anual do Município, gostaríamos de as poder concluir todas”, afirma Aurora Vieira, vereadora da Cidadania e Participação do Município de Gondomar.

Sobre a iniciativa de participação pública, a autarca confirmou que o objetivo do OP passa por “aumentar a participação e ser gerador de novas ideias”.

O OP’18 registou um total de 11 propostas, das quais apenas oito foram validadas pelo júri. Dos 4504 utilizadores registados na plataforma, apenas 544 votaram nas propostas finais. A iniciativa deverá ter nova edição em 2019.

, ,