O Verão Desportivo em Gondomar está a chegar ao fim

Ao longo dos meses de julho e agosto foi possível praticar uma série de atividades desportivas gratuitas nas manhãs de sábado e domingo ao ar livre.

O concelho de Gondomar e o desporto desde sempre estiveram de mãos dadas. De forma a fomentar as boas práticas desportivas, o município, tal como tem vindo a acontecer nos últimos anos, desenvolveu a iniciativa “Verão Desportivo” disponível para quem quiser e que permite aos participantes a prática ao ar livre de atividades. O Verão Desportivo está distribuído por três locais, sendo eles o Parque Urbano de Rio Tinto, Ribeira de Abade em Valbom e na Praia de Melres, em parceria com os ginásios de Gondomar.

Sandra Almeida, vereadora do Município de Gondomar, lembrou que o Verão Desportivo nasceu ainda antes do concelho ter sido eleito Cidade Europeia do Desporto e explicou qual o principal objetivo da iniciativa. “Na continuidade de querer que a cada dia haja mais uma pessoa a praticar desporto, nós contribuímos para essa prática desportiva, ao ar livre e completamente gratuita, que é saudável e de promoção do desporto e é isso que queremos continuar a promover, o aumento da prática desportiva”.

A vereadora revelou que o clima tem estado propício à realização da atividade desportiva uma vez que não tem estado calor nas manhãs desportivas, sendo que apenas houve um domingo de manhã em que o evento foi cancelado devido à chuva.

Em relação ao futuro da atividade, Sandra Almeida reforçou que a cada ano o Município tenta melhorar e considerou desafiante aumentar o número de lugares para a prática desportiva gratuita no próxima ano. “Ir a todas as freguesias, logisticamente começa a ser impossível. As pessoas procuram as praias e os rios, talvez fazermos nas praias poderá ser um desafio. No ano da Cidade Europeia, fizemos em algumas praias, se continuarmos com as praias fluviais poderá ser um desafio fazer nas praias ou na parte ribeirinha. Entretanto quando houver Parque Urbano de São Cosme, se calhar também fará sentido criar aí algumas manhãs”. ■

,