Tudo a postos para o arranque de época do Gondomar SC

O Gondomar SC regressou aos jogos oficiais no passado domingo dia 18 frente ao SC Espinho numa partida que terminou com a derrota por 1-0. Ainda antes deste jogo de estreia, o VivaCidade deslocou-se ao Estádio de São Miguel para recolher as primeiras impressões deste novo Gondomar SC para a temporada 2019/2020.

Inserido na série B do Campeonato de Portugal, uma das séries mais complicadas da competição, o Gondomar SC parte para a nova temporada com as expectativas em alta por parte da massa adepta, depois de na época passada ter estado grande parte da época nos dois primeiros lugares, que garantiam acesso ao playoff de promoção e só na reta final ter cedido e terminado no último lugar do pódio.

Depois de seis épocas no comando técnico do Amarante, Pedro Pinto chega a Gondomar pronto para o desafio e para ele “chegou o momento de mudar, sair da zona de conforto e arriscar”. “Encontrei aqui um projeto, nomeadamente pela pessoa do Sr. Presidente, que me demonstrou que há condições aqui, entramos em sintonia também daquilo que é ambição do clube e as pretensões, e eu não poderia estar mais satisfeito. Sinto-me muito bem aqui e acho que é o local certo para dar continuidade à minha carreira”.

Em relação aos seis jogos realizados na pré-época, o técnico gondomarense fala de um balanço “claramente positivo” o que deixa todos do plantel “entusiasmados para aquilo que vai ser a nova época no Gondomar”. No que toca a reforços, Pedro Pinto lembra “que os treinadores nunca estão satisfeitos e querem sempre mais”, garantindo que o plantel não está fechado e que poderão estar atentos a alguma oportunidade de negócio que possa surgir até ao fecho de mercado de transferências.

Para a nova época, Pedro Pinto já definiu o que pretende da sua equipa. “Aquilo que queremos é encarar jogo a jogo não ter receio de jogar contra ninguém disputando os três pontos, vamos ser uma equipa ambiciosa, competitiva e é aquilo que podemos prometer nesta altura”. O técnico admite estar numa “série muito difícil que complicou” e que “entraram equipas para a série que vão elevar a fasquia”, no entanto manifesta confiança. “O campeonato está recheado de boas equipas e eu acredito que somos uma delas. Estou confiante e estou com uma grande confiança nestes jogadores e nesta equipa para aquilo que pode vir”.

Fábio Pereira, capitão do Gondomar SC, vai para segunda época com o símbolo gondomarense ao peito e, apesar da grande temporada do clube na temporada passada, mantém os pés bem assentes na terra. “A fasquia é a mesma que tínhamos no ano passado. É ir jogo a jogo, sempre dar o máximo a cada jogo, lutar pelo símbolo que envergamos e tentar a melhor classificação possível, sabendo que as pessoas estão com uma fasquia muito alta por aquilo que foi feito o ano passado”. O médio de 31 anos fala de um balneário “ansioso pela positiva que chegue o primeiro jogo” e face às novas contratações, para além da qualidade enalteceu a experiência, já que o plantel da temporada passada era um grupo muito novo.

Aos adeptos, Fábio Pereira pediu que “continuassem a apoiar o clube”. “Acho que é um clube que tem muito para crescer e é com o apoio deles é sempre mais fácil, como aconteceu no ano passado. A partir do momento que tivemos mais apoio, as coisas tornavam-se mais fáceis”. Também Pedro Pinto reconheceu a importância dos adeptos e que a equipa “conta com eles, semana após semana”. Na segunda jornada da série B do Campeonato de Portugal, o Gondomar SC recebe o Valadares Gaia no dia 25 pelas 17h, no Estádio de São Miguel.

,