Entrevista Vivacidade: Ana Bola estreia V Festival de Teatro de S. Pedro da Cova

“Ana Bola Sem Filtro” é a mais recente peça da atriz portuguesa Ana Bola que vai abrir, no próximo sábado, o V Festival de Teatro de São Pedro da Cova. A 9 de maio, a recém remodelada Cripta de S. Pedro inaugura mais uma edição do Festival que irá decorrer todos os sábados à noite até 30 de maio. A organização é da paróquia, com o apoio da Junta da União das Freguesias, e a entrada para um espetáculo tem o custo de três euros, ou 10 para o festival inteiro. O Vivacidade falou com Ana Bola que atua, dentro de dias, no concelho de Gondomar.

Ana Bola / Direitos Reservados Ana Bola / Direitos Reservados Ana Bola / Direitos Reservados

Vai abrir o V Festival de Teatro de S. Pedro da Cova com a sua peça mais recente, um monólogo. Como caracteriza o espetáculo “Ana Bola Sem Filtro”?
Este espectáculo não sendo autobiográfico tem muito de mim e fala sobretudo na crise cultural que o nosso país atravessa mas também em coisas pessoais que são comuns a quase todos nós.

É a primeira vez que visita S. Pedro da Cova?
Sim, penso que é a minha primeira vez em S. Pedro da Cova, mas já fiz tantas tournées ao longo da minha vida que não posso garantir. Fui convidada para este festival e venho sempre com muito gosto.

Ana Bola / Direitos Reservados

Ana Bola: “O ator tem a sorte de poder representar até morrer” / Direitos Reservados

Este monólogo é muito diferente do teatro humorístico que costuma apresentar ao seu público?
Sim, é batante diferente. Primeiro porque não estou a fazer uma personagem, construí uma pessoa que se assume como eu própria. Segundo porque é o primeiro monólogo da minha vida profissional. Na comédia, a contracena é muito importante e aqui não tenho contracena, ou seja, é bem mais difícil… Mas o desafio é também esse.

Atriz de teatro, de televisão, apresentadora de programas, etc. Pode-se dizer que tem um currículo invejável quando comparado com a maior parte dos atores em Portugal?
Não me parece que seja invejável. Acho que tive boas oportunidades e acho que soube aproveitá-las. Trabalhei e trabalho muito. Como se costuma dizer: sai-me tudo do pelo mas é como nas outras profissões. Tenho sorte sim de ter trabalho, o que não acontece com muita gente neste país infelizmente.

Costuma participar neste tipo de festivais de teatro? 
O ator tem a sorte de poder representar até morrer. Há papéis para todas as idades, assim haja saúde e trabalho. Nesta fase da minha carreira – e porque estou mais velha – talvez me sinta mais livre para dizer algumas coisas que não teria dito há uns anos. Não só acho importante que se realizem este tipo de festivais de teatro como acho que devia ser obrigatório… e sim tenho sempre o maior prazer em participar. Assim me vão convidando.


Programa do V Festival de Teatro de São Pedro da Cova:

9 de maio – Ana Bola Sem Filtro
16 de maio – O Pai Já Vai – Grupo de Teatro de Novelas
23 de maio – O Morgado de Fafe Amoroso – Grupo Paroquial de Teatro de São Pedro da Cova
30 de maio – Ratos e Homens – Plebeus Avintenses

O Festival decorrerá todos os sábados, durante todo o mês de maio, pelas 21h30. Os bilhetes poderão ser adquiridos na secretaria da Paróquia e nas secretarias da União das Freguesias. No próprio dia poderá ser adquirido na bilheteira. O custo individual de cada espetáculo será de três  euros, e o conjunto dos quatro espetáculos será de 10 euros.

Ana Bola Sem Filtros - S. Pedro da Cova / Direitos Reservados

, , , , ,