Eurobol 2018 juntou 1100 atletas

A Ala Nun’Álvares de Gondomar e o Município de Gondomar juntaram, nos dias 29 e 31 de março, 1100 atletas de 24 clubes num total de seis pavillhões. A organização diz que a receita será para repetir no próximo ano.

A 6ª edição do Eurobol realizou-se no final do mês de março. Cerca de 1100 atletas, entre os 10 e os 21 anos, disputaram a vitória nos respetivos escalões femininos e masculinos. Foram 24 clubes e 82 equipas, com um convidado de honra, o Barcelona.

“O Eurobol começou por ser um evento regional e neste momento é nacional. Há uma grande envolvência da comunidade e já se tornou um dos maiores eventos desportivos do concelho. É uma prova que faz parte da ambição da Ala de Gondomar e um reflexo da nossa atividade diária”, afirma Germano Santos, diretor de voleibol da Ala.

O evento começou por ser regional mas rapidamente alargou o seu âmbito ao nível nacional, reunindo agora em Gondomar equipas do Norte e do Sul do país.

“O Eurobol já é uma prova muito ansiada, notamos isso ao longo da época. No total, são quase 300 jogos em três dias. Os atletas ficam hospedados na Escola Secundária de Gondomar e a cidade acaba por notar o decorrer do evento, porque há muitos pais que vêm acompanhar os seus filhos”, conclui o responsável pelo voleibol da Ala.

No próximo ano, o Eurobol deverá voltar a reafirmar a prática do voleibol em Gondomar.

, , , ,