Festival de Teatro de Rio Tinto começa a 3 de novembro

O início do Festival de Teatro de Rio Tinto está agendado para 3 de novembro / Foto: Pedro Santos Ferreira

O Festival de Teatro de Rio Tinto vai ter início no dia 3 de novembro, no salão de espetáculos do Grupo Dramático e Beneficente de Rio Tinto. Até 1 de dezembro há teatro todos os sábados à noite.

A 19ª edição do Festival de Teatro de Rio Tinto está prestes a arrancar. No total, o salão de espetáculos do Grupo Dramático e Beneficente de Rio Tinto vai receber cinco comédias, num festival que será inteiramente dedicado ao humor e à revista à portuguesa.

A programação conta com as presenças do Grupo Dramático de Campo (Valongo), Grupo Teatro Vai Avante, Teatro Experimental Intervenção Alvarim (Tondela) e Associação Recreativa de Perosinho (Vila Nova de Gaia) na qualidade de convidados. O Grupo Teatro Renascer será o anfitrião do evento e vai também responsabilizar-se pelo espetáculo de encerramento do festival.

“Vamos ter cinco noites de espetáculo e cinco comédias. Foi um critério que procuramos aplicar este ano, depois de termos experimentado algumas peças em registo dramático, que não funcionaram tão bem. Além disso, vamos [Grupo Teatro Renascer] encerrar esta edição com a nossa revista à portuguesa sobre a cidade de Rio Tinto. Será a última oportunidade para ver este espetáculo que estreamos há três anos”, afirma João Sousa, responsável pela secção teatral do Grupo Dramático de Rio Tinto.

Para o presidente da coletividade, Jorge Magalhães, esta edição dá o pontapé de saída para a do próximo ano, a 20ª, que “será especial”. Contudo, para este ano, o espaço foi melhorado, “sobretudo para os atores”. “Investimos na requalificação dos camarins, que são um espaço importante para os grupos teatrais que nos visitam. Também queremos melhorar as condições do público e ganhar mais alguns lugares, porque isso tem sido problemático”, lamenta o presidente da direção.

Satisfeito com a parceria estabelecida está Nuno Fonseca, presidente da Junta de Rio Tinto, que se orgulha do trabalho desenvolvido pela associação riotintense. “A Junta pretende funcionar como um elemento potenciador e dinamizador deste evento. Rumamos todos para o mesmo lado e reconhecemos grande mérito a esta coletividade”, aponta o autarca, que lamenta a ausência de um espaço próprio para grandes produções teatrais em Rio Tinto.

No entanto, Nuno Fonseca mantém a convicção de ter casa cheia nas cinco noites do festival e considera os 160 lugares um número reduzido para a afluência do público, ávido de teatro. O Festival de Teatro é organizado pelo Grupo Dramático e Beneficente de Rio Tinto e Junta de Freguesia de Rio Tinto. A entrada é livre. 

Programação do 19.º Festival de Teatro de Rio Tinto

3 de novembro
“Alteradas”, pelo Grupo Dramático de Campo

10 de novembro
“Do céu caiu um Anjinho” pelo Grupo Teatro Vai Avante

17 de novembro
“Todos a Bordo” pelo Teatro Experimental Intervenção Alvarim

24 de novembro
“Viver a Arte” pela Associação Recreativa de Perosinho

1 de dezembro
“É Dramático (de Rio Tinto) em Revista” pelo Grupo Dramático de Rio Tinto

, , , ,