Gondomar recebe primeira final do Europeu de futsal feminino

Campeonato Europeu - janeiro 2019

A Seleção Nacional está pronta para a competição / Foto: Direitos Reservados

O Multiusos de Gondomar vai ser palco da primeira fase final de um Europeu de futsal feminino. A competição terá lugar entre os dias 15 e 17 de fevereiro e Portugal assume o favoritismo.

O Campeonato Europeu de Futsal feminino ainda não iniciou, mas já está na história da modalidade, porque esta será a 1ª edição da prova. Na quadra, enfrentam-se quatro seleções: Portugal, Espanha, Ucrânia e Rússia. Todas têm o mesmo objetivo, conquistar o primeiro troféu desta competição.

Após o anúncio da convocatória, Luís Conceição, selecionador português de futsal feminino, assumiu o favoritismo português e revelou a ambição de vencer o primeiro Europeu, mas alertou para a qualidade dos adversários.

“Portugal é favorito, como qualquer das seleções presentes. Qualquer uma pode sair vencedora. Temos de nos assumir, queremos muito vencer e fazer história para o futsal português. Dentro desta lógica, assumimo-nos como candidatos”, afirmou o técnico luso.

A equipa das ‘quinas’ vai contar com cinco jogadoras do Benfica entre as convocadas e terá pela frente nas meias-finais, no dia 15 de fevereiro, a seleção ucraniana, um adversário que Luís Conceição define como “agressivo e muito físico”.

“Temos feito alguns jogos com a Ucrânia e temos vencido, mas têm sido jogos equilibrados e com pouca diferença de golos. Vai ser uma seleção que nos vai criar dificuldades, porque são muito físicas a disputar os duelos individuais e muito agressivas. Vamos ter de ter argumentos para superá-las”, analisou.

A fase final realiza-se no Multiusos de Gondomar, onde a equipa das ‘quinas’ vai defrontar a Ucrânia nas meias-finais, enquanto a Espanha enfrenta a Rússia, no mesmo dia. A final da competição está agendada para dia 17.

“A 1ª edição do Euro é uma responsabilidade adicional para nós”
Para Sandra Almeida, vereadora do Desporto do Município de Gondomar, a 1ª edição do Europeu de futsal feminino é encarada como “uma responsabilidade adicional”.

“É um evento da responsabilidade da UEFA e isso tem que aumentar a exigência e elevar a fasquia. No final, esperamos que seja bom para todos e é sempre um orgulho para Gondomar, que ficará na história no que concerne ao futsal”, acrescenta a autarca.

Ao Vivacidade, a vereadora garantiu que os bilhetes iriam ter um custo de um euro por adepto, sendo que o valor arrecadado irá ser atribuído ao Lar de Infância e Juventude “Gondomar Coração D’Ouro”, IPSS sediada em Baguim do Monte.

, , , , ,