In Skené escolhe “Pi” para o Exercício Final

No dia 29 de julho, pelas 17h, a Companhia de Teatro Residente do Auditório Municipal de Gondomar dará início ao Exercício Final, iniciativa anual que põe à prova os formandos da coletividade. O espetáculo interpretado intitula-se “Pi”.

Os In Skené – Companhia de Teatro estão prestes a realizar o tradicional Exercício Final, que este ano vai explorar, pela primeira vez, um formato de exercício coletivo que resultará num espetáculo chamado “Pi”. No total, vão atuar 16 formandos que irão procurar “transportar o público para um somatório de histórias e de vivências, que permitem uma reflexão sobre o ser humano e a sua condição enquanto indivíduo e membro de uma sociedade que o molda”, afirma João Ferreira, presidente da direção dos In Skené.

A peça não será convencional e visa permitir a todos os atores explorar áreas da representação na qual se sentem menos confortáveis. “Acreditamos que, desta forma, o público poderá disfrutar de uma viagem interessantes junto destes atores”, afirma.

No júri vai estar Nuno Nolasco, ator e encenador, mestre em teatro, com especialização em Encenação pela Escola Superior de Teatro e Cinema. O arquiteto António Teixeira Lopes vai completar o painel.

“Mais do que ser um momento de reflexão para o grupo, é um desafio de criação e experimentação artística para nós. Convidamos a comunidade que gosta de teatro a assistir de forma livre e a discutir abertamente o trabalho do ator e a compreender melhor as intenções de uma encenação. Faz parte dos nossos compromissos enquanto Companhia Residente, mas acima de tudo faz parte da nossa identidade enquanto associação cultural”, conclui João Ferreira.

, ,