Mais de 1200 pedalaram 24h pelo IPO Porto

Pedalar 24h pelo IPO Porto / Foto: Pedro Santos Ferreira

Milhares de pessoas uniram-se por uma causa solidária em torno do Instituto Português de Oncologia (IPO) do Porto. Objetivo? Pedalar 24h num evento realizado no Multiusos de Gondomar.

A Sala D’Ouro do Pavilhão Multiusos de Gondomar transformou-se num verdadeiro ginásio para receber a 3ª edição do Spinning 24 IPO, uma verdadeira corrida contra o cancro, tal como indica o lema do evento.

Foram mais de 1200 participantes a pedalar por uma boa causa com contributos coletivos (equipas) e individuais, distribuídos por 100 bicicletas e com a ajuda de 24 instrutores.

“Tivemos professores da Bélgica, Itália, Brasil, Espanha e vários de Portugal. Além disso, contamos com participantes estrangeiros”, acrescenta João Valente, organizador do evento.

Para o mentor da iniciativa – que opta por não revelar o valor angariado – o objetivo foi novamente alcançado. “Superamos largamente a expectativa inicial e batemos o recorde do valor angariado que irá contribuir para o Joãozinho – Hospital Pediátrico do São João”, garante ao nosso jornal.

Assim, o único evento de spinning registado em Portugal promete regressar ao Multiusos de Gondomar em 2018, desta vez para “ocupar a nave central, caso haja um número de participantes que justifique”, faz notar João Valente.

Refira-se que no somatório das duas primeiras edições a organização do evento entregou cerca de 14200 euros a esta instituição hospitalar.

O Spinning 24h IPO esteve inserido na programação da Cidade Europeia do Desporto 2017.

, ,