Ordem dos Solicitadores e dos Agentes de Execução debateu futuro no Auditório Municipal de Gondomar

Ordem dos Solicitadores - dezembro 2018

O 4.º Fórum de Solicitadores e Agentes de Execução realizou-se no Auditório Municipal de Gondomar / Foto: Pedro Santos Ferreira

A Ordem dos Solicitadores e dos Agentes de Execução promoveu, no dia 6 de dezembro, um debate sobre “O pacto para a Justiça e o futuro nos estatutos profissionais”. A iniciativa teve lugar no Auditório Municipal de Gondomar.

O 4.º Fórum de Solicitadores e Agentes de Execução – Porto/Aveiro debateu o “Pacto para a Justiça” e a evolução dos estatutos profissionais, no Auditório Municipal de Gondomar. A iniciativa foi promovida pela Ordem dos Solicitadores e dos Agentes de Execução (OSAE), num encontro aberto à comunidade, e pretendeu esclarecer a sociedade civil relativamente às medidas incluídas no “Pacto para a Justiça”, com vista a melhorar a qualidade e o acesso à Justiça em Portugal.

No Auditório Municipal de Gondomar, além de José Carlos Resende, Bastonário da OSAE, marcaram presença representantes da Ordem dos Advogados, do Sindicato dos Funcionários Judiciais, do Sindicato dos Magistrados do Ministério Público e da Associação Sindical dos Juízes Portugueses.No total, registou-se a presença de perto de 300 pessoas.

O “Pacto para a Justiça” é o resultado de um acordo histórico entre os agentes da Justiça que responderam ao repto lançado por Marcelo Rebelo de Sousa, tendo este resultado em perto de 90 propostas que reuniram consenso e abrangem diferentes áreas da Justiça.

Ao Vivacidade, Duarte Pinto, presidente do Conselho Regional do Porto, esclareceu que a escolha do concelho gondomarense “serviu os melhores interesses da organização”. O dirigente admitiu repetir a presença no Auditório Municipal de Gondomar no próximo ano.

, , , ,