Paróquia de S. Pedro da Cova inaugura nova cripta

Os Frei Fado lotaram a cripta de S. Pedro da Cova / Foto: Ricardo Vieira Caldas

Os Frei Fado lotaram a cripta de S. Pedro da Cova / Foto: Ricardo Vieira Caldas

A paróquia de S. Pedro da Cova inaugurou, no dia 20 de março, a cripta que, recentemente, sofreu obras de remodelação orçadas em cerca de 85 mil euros. Um espaço novo, “para a população e freguesia”, garante Fernando Rosas, pároco da freguesia, aplaudido por Daniel Vieira, presidente da Junta.

No dia 20 de março, a paróquia e a freguesia de S. Pedro da Cova ganharam uma nova cripta. “Um  grande acontecimento, desejado há muito tempo”, garante o padre Fernando Rosas. “Foi cerca de 85 mil euros que investimos aqui. A Junta contribuiu em 10% da obra, o restante foi investido pela paróquia”, mencionou Fernando Rosas que, em discurso no final da cerimónia, fez questão de referir a ausência de apoio financeiro da Câmara Municipal de Gondomar.

A cerimónia ficou ainda marcada pela atuação dos Frei Fado, num salão completamente lotado.

Daniel Vieira, presidente da União das Freguesias de Fânzeres e S. Pedro da Cova, revelou ao Vivacidade que a cripta vai também permitir a realização de vários eventos da autarquia, ainda durante este ano. “Valorizamos muito esta obra porque é muito importante e dá resposta a uma lacuna da freguesia. Vai tornar-se numa das principais salas de espetáculo de Gondomar. Era um desejo antigo da população e vai permitir à paróquia, instituições e coletividades usufruir de um espaço com capacidade para cerca de 500 pessoas. O espaço está com uma dignidade muito interessante. Vamos procurar contribuir para a dinamização do espaço e vai realizar-se ali a abertura do Festival de Teatro, em maio, com a Ana Bola”, explicou. Quantos aos apoios prestados pela UF, Daniel Vieira considerou “um justo investimento”. “O apoio que demos foi de cerca de sete mil euros”, disse.

Em jeito de conclusão, o autarca confirmou que a paróquia de Fânzeres está também a planear intervir no Salão Paroquial, obra que deverá começar brevemente.

, , ,