Plano Diretor Municipal em marcha

Lomba tem várias construções ilegais

Do outro lado do rio Douro, na freguesia da Lomba, a desatualização do PDM gondomarense complica bastante a vida para quem quer construir. A desadequação do Plano à realidade atual já desencadeou várias construções ilegais e a Câmara quer resolver, pelo menos, parte do assunto. “No Alto do Concelho, na Lomba, temos muitas construções ilegais e no que for possível vamos criar condições para a legalização pelo menos de parte significativa dessas construções”, refere Luís Filipe Araújo.

Para o autarca, esta situação “não tem explicação a não ser a falta de vontade política” em resolver o assunto. “Se calhar às vezes é mais fácil não haver regras para podermos fazer aquilo que nos apetece”, assevera.

Mas a revisão do PDM não vai resolver tudo. “Há coisas que não são legalizáveis, não podemos fazer milagres”, esclarece o autarca. “Vamos ter reuniões com as Juntas de Freguesia, para perceber qual a sensibilidade local para a revisão do PDM e já temos algumas solicitações de entidades privadas que perguntam sobre determinadas matérias”, afirma. “Mas estamos a falar de um assunto melindroso. Temos que ter em atenção a algumas situações”, acrescenta.

O segundo membro do executivo camarário não quis adiantar prazos ao Vivacidade mas afirmou que “quer terminar este dossier o mais rápido possível”.

O PDM é “desajustado à situação atual” e por isso a Câmara vai fazer um protocolo com o curso de Geografia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto para a criação de alguns estágios com estudantes especializados. “O Município aproveitará esse protocolo já que vão ser feitas sugestões por parte de técnicos”, finaliza Luís Filipe Araújo.

, , , , , , , , , , , ,