Projeto ‘100 mil árvores na Área Metropolitana do Porto’ passou pela Foz do Sousa

O Projeto '100 Mil Árvores na AMP' na Foz do Sousa / Direitos Reservados

O Projeto ‘100 Mil Árvores na AMP’ na Foz do Sousa / Direitos Reservados

A Câmara Municipal de Gondomar, o CRE Porto e a Portucalea uniram-se a 8 de março na Foz do Sousa, no âmbito do Projeto 100 000 Árvores. A iniciativa teve um recorde de participação com 70 voluntários de todas as idades.

Plantar 100 mil árvores na Área Metropolitana do Porto (AMP). É este o objetivo da iniciativa promovida pelo Centro Regional de Excelência em Educação para o Desenvolvimento Sustentável da Área Metropolitana do Porto (CRE Porto).

A terceira época de plantação do Projeto 100 000 Árvores na AMP realizou-se na Foz do Sousa a 8 de março. Cerca de 70 voluntários – número recorde de participação – de todas as faixas etárias participaram na plantação. No final do dia o balanço foi positivo e a meta de plantação de 500 árvores autóctones, entre Acer e Carvalhos, foi atingida.

O CRE Porto teve a colaboração da Câmara Municipal de Gondomar e da Portucalea – Associação Florestal do Grande Porto. José Fernando Moreira, vereador responsável pelo pelouro do Ambiente e Serviços Urbanos, também participou na plantação.

As árvores plantadas são provenientes do programa Floresta Comum.

 

, , ,