PSD Gondomar aponta para um futuro com vitórias

Tomada de Posse PSD - novembro 2018

A tomada de posse realizou-se no auditório da ACIG / Foto: Direitos Reservados

Na noite de 9 de novembro, o auditório da Associação Comercial e Industrial de Gondomar (ACIG) foi pequeno para acolher a cerimónia de tomada de posse dos novos órgãos concelhios do PSD Gondomar. José Luís Oliveira foi uma vez mais reconduzido à liderança da Comissão Política.

Foi com “determinação e certeza nas vitórias” – palavras de José Luís Oliveira, recém-eleito presidente da Comissão Política do PSD Gondomar – que se realizou a tomada de posse dos órgãos concelhios.

O auditório da ACIG esteve lotado para assistir à tomada de posse e às intervenções de José Luís Oliveira, Alberto Machado (presidente da Comissão Política Distrital do Porto) e José Silvano (secretário-geral da Comissão Política Nacional do PSD).

Antes, o PSD Gondomar anunciou a criação do cargo de Provedor do Militante. Maria Germana Rocha, gondomarense atualmente a desempenhar funções de deputada na Assembleia da República, foi o nome escolhido.

Numa cerimónia em que, fundamentalmente, todos apontaram estratégias para desejadas vitórias no futuro, José Luís Oliveira realçou a “renovação da Comissão Política”, mas também uma presença e participação dos “notáveis” locais. Daí a implementação de um Conselho Consultivo que junta inúmeros nomes de relevo da história e intervenção autárquica do PSD Gondomar. “Globalmente e em equipa”, disse José Luís Oliveira, todos estes são “órgãos fundamentais para que possamos delinear a estratégia adequada e levar o PSD a ganhar a Câmara de Gondomar – e defender os interesses dos gondomarenses.”

O objetivo, partilhado nas intervenções de José Luís Oliveira, Alberto Machado e José Silvano, é, genericamente, “implementar medidas práticas e concretas em benefício da população de Gondomar”, disse o líder local do PSD – “com o objetivo de contribuir para a construção de um verdadeiro projeto de centro-direita para o concelho”. Tanto mais que, disse José Luís Oliveira, “as atuais políticas socialistas, em Gondomar e no país, nada de positivo têm trazido, a não ser promessas e mais promessas”.

Sobre Gondomar, e em jeito de avaliação aos mais recentes anos, o responsável concelhio do PSD foi linear: “É só foguetório e investimento em imagem mas os gondomarenses querem que aconteçam coisas importantes para o dia a dia.”

Na cerimónia destaque, também, para as presenças de representantes do CDS-PP e, na mesa de honra, Carlos Santos Castro (presidente eleito da Mesa de Plenário do PSD Gondomar) e Rafael Amorim (vereador da Câmara Municipal de Gondomar).

A tomada de posse resumir-se-á na intervenção final, de José Silvano. O Secretário-geral da Comissão Política Nacional do PSD, depois de inúmeras críticas à gestão nacional do Partido Socialista, fez referências muito positivas à dinâmica apresentada pelo partido a nível concelhio: “Constato que, assim, que com exemplos como o verificado nesta mobilização, o PSD está a preparar grandes vitórias eleitorais”, disse José Silvano.

, ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.