Quinta do Passal: espaço ecológico comemorou 5.º aniversário

Quinta do Passal - setembro 2018

A CEA Quinta do Passal foi inaugurada em 2013 / Foto: Pedro Santos Ferreira

O Centro de Educação Ambiental da Quinta do Passal festejou, no dia 12 de setembro, o seu 5.º aniversário. O dia ficou marcado por diversas atividades gratuitas. 

Cinco anos após a sua inauguração, a Quinta do Passal é nos dias de hoje um equipamento inteiramente renovado, ecológico e ao serviço dos gondomarenses.

O espaço foi resgatado ao abandono e transformado num Centro de Educação Ambiental. A intervenção custou cerca de 1,6 milhões de euros e esteve inserida no âmbito do Programa Polis, que requalificou a faixa ribeirinha de Valbom.

Hoje, a Quinta do Passal, um projeto que teve coordenação global do arquiteto Eduardo Ribeiro, é um espaço verde privilegiado com uma vertente pedagógica, onde se desenvolvem diversas atividades, desde o cultivo de hortas biológicas ao arborismo e treino canino.

O espaço assenta ainda na sustentabilidade ambiental e recorre à utilização de energia solar e eólica para alimentar as suas salas de trabalho e espaços para atividades pedagógicas.

No dia 12 de setembro, assinalou-se o 5.º aniversário do equipamento com um cartaz preenchido por diversas atividades gratuitas, com destaque para a participação da Trupe Sons em Cena.

Durante a tarde, o circuito de arborismo foi procurado por dezenas de crianças que usufruíram também da parede de escalada e de diferentes jogos e insufláveis ligados à questão ambiental.

No fim, houve sunset canino no CARCAG, o primeiro parque canino do Município de Gondomar.

“Espero que este equipamento esteja cada vez mais aberto à população, que ainda não o conhece bem. Vamos ainda reforçar a sinalética e a divulgação dos serviços que oferecemos na Quinta do Passal e queremos que este seja um espaço de workshops e de lazer”, afirma José Fernando Moreira, vereador do Ambiente da Câmara Municipal de Gondomar.

“No próximo ano, vamos instalar um parque infantil na Quinta do Passal e queremos definir um regulamento que prevê o aluguer deste espaço para a realização de eventos a custos simbólicos”, acrescenta o autarca ao nosso jornal.

Refira-se que a Centro de Educação Ambiental da Quinta do Passal recebeu, em 2017, cerca de 25 mil visitantes.

, , , , , ,