Rafael Amorim quer baixar taxa de desemprego em Gondomar

Rafael Amorim - taxa de desemprego

Rafael Amorim é candidato à presidência da Câmara de Gondomar / Foto: Direitos Reservados

Rafael Amorim, candidato à presidência da Câmara Municipal de Gondomar  pela coligação PSD/CDS-PP anunciou, esta segunda-feira, que irá criar um programa de apoio ao investimento privado, caso seja eleito no dia 1 de outubro.

A candidatura “Gondomar no Coração” (PSD/CDS-PP) tem como objetivo a redução da taxa de desemprego em Gondomar, através da criação de um programa de apoio ao investimento privado, intitulado “Gondomar Empreendedor”.

A medida anunciada por Rafael Amorim, cabeça de lista desta candidatura, propõe “desenvolver ações muito concretas que permitirão combater a altíssima taxa de desemprego que aflige Gondomar, que neste momento ronda os 15%, bem acima da média nacional, mas também contribuir para a afirmação de um concelho com identidade. Através do apoio ao empreendedorismo comercial, agrícola, turístico e industrial, bem como do apoio às empresas já existentes, pretendemos alterar o paradigma da gestão autárquica de Gondomar com uma visão abrangente, moderna e que rompe com o que é feito atualmente”, disse o candidato à margem de uma visita à Associação Empresarial do Porto (AEP).

Rafael Amorim foi recebido por Paulo Nunes de Almeida, presidente da AEP, e adiantou algumas propostas que pretende incluir no programa eleitoral que apresentará aos gondomarenses. O candidato prometeu ainda que irá aproveitar todas as formas de apoio de entidades-chave, nomeadamente da AEP, para desenvolver projetos “consistentes e transformadores”.

“É necessário definir uma política autárquica facilitado do empreendedorismo e da industrialização, dando apoio às empresa existentes, bem como a novos investimentos, criando pontes entre agentes económicos, entidades públicas e empresas, investindo na diplomacia económica e apostando na educação para o empreendedorismo, criando o concelho que queremos para as próximas décadas”, concluiu Rafael Amorim.

Refira-se que a coligação PSD/CDS-PP defendeu também a intenção de dinamizar as “Conferências Gondomar 2030”, apoiar o retorno de jovens emigrantes, promover a captação de investimento empresarial e industrial e capacitar e qualificar as estruturas de apoio ao investimento no território.

, ,