“Seis personagens à procura de um autor” no Auditório Municipal até 31 de março

"Seis Personagens à procura de um autor" - março 2019

A peça decorre no Auditório Municipal de Gondomar até 31 de março / Foto: Pedro Santos Ferreira

É a partir do texto de Luigi Pirandello que os in skené apresentam a sua mais recente peça, intitulada “Seis personagens à procura de um autor”, em cena no Auditório Municipal de Gondomar até 31 de março. O Vivacidade conversou com atores e o encenador do espetáculo.

A mais recente produção dos in skené apresenta-nos a concretização do metateatro por um dos seus maiores conhecedores, Luigi Pirandello. É a partir da obra do dramaturgo, poeta e romancista siciliano que o encenador Fábio Pinto encontrou inspiração para pensar a peça “Seis personagens à procura de um autor”, que está em cena no Auditório Municipal de Gondomar.

“Nesta peça temos 10 atores e o mais engraçado é que a narrativa retrata o que é o teatro dentro de um próprio teatro, ou seja, o que o público vai ver são os atores a representarem-se a si próprios. Haverá um choque entre atores e personagens. Nada vai ser escondido do público”, adianta o jovem encenador.

E esse é o objetivo do texto de Pirandello, mostrar o processo criativo do teatro num jogo permanente entre personagem e ator, ilusão e realidade.

Ana Gomes, uma das atrizes desta peça, espera que o público saia do Auditório Municipal “com diferentes interpretações do mesmo espetáculo”. “Julgo que vai ter um impacto diferentes e vai mostrar um pouco do nosso mundo. Queremos que o público se sinta parte da peça e poderá até existir interação. Pessoalmente, gosto muito de quebrar a quarta parede. Acho piada sentir que o público está a falar comigo”, refere.

Por sua vez, Diogo Barbosa espera que o público “perceba a história e que saia da peça a perceber melhor o porquê de gostarmos tanto de fazer isto”. “Este texto joga muito com os conceitos da ilusão, realidade e ficção. A forma como a arte representa a realidade sobre o disfarce de uma narrativa dramática, mas é algo muito interessante e espero que as pessoas saiam daqui com várias questões e com perspetivas diferentes”, aponta o jovem ator.

Ao nosso jornal, João Ferreira, diretor artístico dos in skené, mostra-se satisfeito com esta produção num ano especial para esta companhia de teatro, visto que celebram o 10.º aniversário em 2019.

“O lado mais interessante desta peça é perceber que a in skené já não depende de um número reduzido de pessoas, mas sim de um grande grupo com grande capacidade. Este ano ainda vamos ter o Exercício Final e temos a expectativa de apresentar mais uma produção nossa no Auditório Municipal”, conclui o responsável dos in skené.

Os ingressos para o espetáculo estão à venda na bilheteira do Auditório Municipal de Gondomar e o valor varia entre os dois e os quatro euros por espetador.

, , , , , ,