A Saúde o nosso bem mais precioso…

Poderão os estimados leitores, achar pelo título desta crónica, que abordaremos um tema algo banal e já do conhecimento geral, tal como a “saúde, um bem precioso”. No entanto, quando as histórias da vida me passam diariamente no consultório, penso como somos às vezes egoístas, deixando nos deprimir por coisas, muitas delas supérfluas, não dando verdadeiro valor à vida e que para tal, temos de viver em bem com o nosso corpo e a nossa mente, isso será a melhor definição de saúde. Ter uma doente que ainda esta semana, num misto de frieza e depressão, procurando de algum modo ajuda para a saúde que não tem, nos diz que se encontra em fase de reativação do cancro da mama, que possui há cerca de sete anos e que agora descobrimos metástases ósseas, significando um aumento do estadio da doença, preocupante e de mau prognóstico. Olhar para aquela mulher, ainda jovem, em que o destino já está traçado e tanto eu como ela, sabemos o desfecho final, como avistando a meta da vida, deixa-nos plenamente frustrados, mas não vencidos. Por outro, lado encontro naquela mulher, de um modo egoísta, sei, forças para tornar os meus problemas pessoais, fúteis e mesmo ridículos perante alguém que trocava, sem qualquer hesitação, a situação dela pela minha, ou de todos nós. É pena não pensarmos mais nisso, acho mesmo curioso, a preocupação de muita “gentinha” andar a inventar problemas aos outros, quando não olham para si mesmo, desvalorizando a sorte que têm em estarem vivas e com saúde. Pensem que podem não ter outra oportunidade e que esta doente cuja história vos contei, trocava sem pensar duas vezes, com alguém que se encontra de mal com a vida, mas sempre como uma solução, possível no horizonte, opção essa que ela não tem. Vivam o dia a dia, se possível de bem com vós próprios e com o mundo. Façam rastreios no médico de família, pois a solução para muitas doenças, não está propriamente no tratamento mas na profilaxia, ou seja, descobrir a doença numa fase controlável e com tratamento possível. Esta é e será por muito tempo, a situação com o cancro…
Vivam em saúde
Até breve, estimados leitores…

, ,