CUIDADOS A TER COM O SOL

Com a chegada do verão e do bom tempo, deparamo-nos com alguns problemas e riscos que devemos de ter em conta e estar devidamente preparados e prevenidos. Um deles e talvez o mais importante é a exposição excessiva ao sol e ao calor intenso, algo que pode produzir efeitos bastante prejudiciais para a saúde, sendo as crianças, os doentes crónicos e as pessoas idosas particularmente mais vulneráveis.

De forma a aproveitar todos os benefícios do sol, é fundamental conhecer e respeitar as seguintes regras:
:: Evitar a exposição direta ao sol nas horas de maior intensidade da radiação solar (entre as 12h e as 16h);

:: Usar vestuário adequado (tecidos opacos e escuros, chapéu de abas lar- gas e óculos de sol com proteção UVB e UVA);

:: Fazer uma exposição gradual e pro- gressiva ao sol.

:: Aplicar protetor solar com índice ele- vado (factor de proteção solar igual ou superior a 30, que proteja das radiações UVA e UVB e preferencialmente resis- tente à água);

:: A hidratação constante é fundamen- tal, mesmo que não sinta sede, ingira muitos líquidos (preferencialmente água) e consuma frutas e legumes pois ajudam a hidratar assim como a prote- ger a pele dos raios solares;

:: Caso esteja a tomar medicação, ter atenção que medicamentos tornam a pele mais sensível ao sol, desencadeando uma reação tipo queimadura mesmo com exposições moderadas ao sol.