Diabetes, um problema de saúde pública

A diabetes é uma doença grave, com consequências várias, atingindo variados órgãos do corpo humano. A sua importância tem-se tornado cada vez mais importante, por um lado, pelo crescente número de pessoas afetadas, por outro, pelas consequências mais graves que se vão manifestando.

Graças ao Jorge Gabriel da RTP, que lançou uma campanha de alerta sobre esta doença, trouxemos hoje este tema à nossa crónica. A diabetes, intimamente ligada à obesidade, tem todas as característica de se tornar um flagelo no futuro. Apenas o exercício físico, um hábito cada vez mais na moda, poderá ser um bom meio de prevenção da diabetes. A diabetes tipo A é um tipo de diabetes, com características especiais, pois aparece na infância e de características genéticas, logo  difícil de prevenir. É a diabetes tipo B, essa sim, será a que tem importância, pois embora com características hereditárias, só aparece devido aos maus hábitos de saúde. A vida sedentária e maus hábitos alimentares, serão certamente um dos meios mais frequentes para o aparecimento da diabetes. Tal como a Hipertensão, a Diabetes é uma doença no seu início sem dar sintomas ou pelo menos sem grandes sinais de alerta. Só se deteta no início numas análises ao sangue que se deveriam fazer por rotina. Infelizmente só um pequeno número de pessoas se preocupa em fazer uma rotina de análises, pelo menos uma vez por ano, ou o fazem obrigados, por um exame para fazer um seguro de vida. Deveria ser hábito recorrer ao seu médico de clínica geral, anualmente para um check up geral. Talvez desse modo se prevenisse esta doença. Hoje já estão disponíveis vários medicamentos que podem tratar eficazmente esta doença, no entanto, primeiro tem de ser diagnosticada.

A diabetes, sem ser tratada, leva a graves consequências, sendo as mais importantes a  cegueira, insuficiência renal, e úlceras crónicas nos pés, que muitas vezes levam a infecções e posteriormente às fatais amputações de membros. Tudo isto pode ser evitado, com bons hábitos de saúde e alimentares.

Não se esqueçam, doenças graves como a Diabetes podem ser prevenidas e tratadas, basta para isso preocuparmo-nos um pouco com a nossa saúde.

Vivam em saúde.

,