É tempo de devolver o rio as pessoas!

Quando este artigo chegar junto dos leitores já muitas centenas de gondomarenses percorreram pela 8ª vez a marcha em defesa do rio Tinto, que o seu Movimento todos os anos realiza.

Infelizmente desta vez não poderei estar presente pois, estarei ausente numa reunião em Lisboa, mas daqui envio toda a minha solidariedade a esta causa que é cada vez mais partilhada por um maior número de gondomarenses.

Durante mais de 20 anos, o nosso rio esteve votado ao mais completo abandono. Fizeram-se os maiores crimes que se possam imaginar. Fruto de muita luta, hoje o rio é olhado de outra forma e são cada vez mais as pessoas que se preocupam com o seu estado. Posto isto, o poder político, a começar pela Câmara Municipal, há muito que devia ter outra atitude mas infelizmente pouco tem feito. Não bastam boas palavras é preciso agir enquanto é tempo.

Como temos defendido o rio devia ser uma prioridade mas infelizmente não tem sido assim, até pelo contrário, ele continua a sofrer todas as agressões. Temos como exemplo, de volta e meia mais uma conduta arrebentada o que faz com que alguma melhoria na qualidade da água do nosso rio que possa existir venha a desvanecer por completo. Será que os responsáveis políticos não entendem quanta qualidade de vida traria para todos termos o rio despoluído?!

Temos a sorte de ter um rio a atravessar todo este território e em vez de o preservar, o que tem acontecido é o inverso, ou seja, a sua destruição.

Basta, é tempo de se tomarem medidas para por fim a tanta agressão!

Não podemos permitir a desafetação de espaços territoriais em zonas apetecíveis mais concretamente, nas reservas agrícolas e reserva ecológicas nacionais (RAN e REN). Se tal acontecer, será permitido a construção nos terrenos que agora se encontram protegidos, e onde hoje temos zona verde, amanha passará a existir mais betão.

A construção do Parque da Levada é a garantia de que o rio tem futuro por isso, a meu ver a sua construção tem de ser defendida, caso contrário o rio ficará definitivamente ameaçado.

Gondomar e muito em particular Rio Tinto e Baguim, só têm a ganhar com este espaço que, trará mais qualidade de vida a toda a população.

É tempo de dizermos basta de mais betão. É tempo de devolvermos o rio às pessoas.

, ,