O sonho de deixar a Europa rendida ao futebol português

Viva Desporto - dezembro 2015

O sonho de deixar a Europa rendida ao futebol português / Foto: DR

O campeonato português continua ao rubro e a perseguição ao líder Sporting promete ser dura, há cinco jornadas que os três grandes só sabem vencer em partidas disputadas para a Liga. No que diz respeito ao panorama europeu, Benfica e Sporting carimbaram a passagem para a fase seguintes das respetivas provas europeias com resultados bem distintos. A equipa orientada por Rui Vitória perdeu por 2-1 frente ao Atlético de Madrid e, consequentemente, cedeu o primeiro lugar do grupo aos espanhóis. Já o Sporting de Jorge Jesus vai de vento em popa e carimbou mais um triunfo contra o Besiktas, depois de uma incrível reviravolta.

Em forma de contraste, a equipa orientada por Julen Lopetegui não conseguiu seguir em frente na Liga dos Campeões, perdendo por 2-0 em Londres e acentuando a desconfiança e o desânimo da massa associativa portista. Ainda assim, o FC Porto está a dois pontos do primeiro lugar, sendo que ainda não perdeu um único jogo para o Campeonato, encontra-se a disputar a Taça de Portugal e fez 10 pontos num grupo da competição mais importante do futebol europeu. Infelizmente para Portugal, segue para a Liga Europa, numa competição onde será um dos principais favoritos a erguer o troféu.

O onze inicial do FC Porto frente ao Chelsea deixou ainda mais pontos de interrogação espalhados pela neblina que paira no Dragão. No entanto, se tivesse resultado agora estar-se-ia a falar em Lopetegui como um verdadeiro mestre, que teria aniquilado por completo as rápidas transições da formação de José Mourinho. Todos cometem erros, mas algo grave, no futebol e na vida, é apoiar e acreditar apenas quando se está no topo e dar-se mais um empurrão quando alguém já está próximo do precipício. Ser adepto de um clube não é ser adepto somente das vitórias e da glória ou, pelo menos, não deveria ser assim, sendo que o apoio deveria surgir em grande escala nos momentos de maior crise. Aliás, se este tipo de fanatismo e de pouca tolerância fossem transportados também para a política certamente o nosso país estaria bem diferente.

Para além do Campeonato da Europa, o ano de 2016 traz consigo os oitavos de final da Liga dos Campeões e também os 16 avos de final da Liga Europa. A equipa ao comando de Rui Vitória vai defrontar o Zenit de André Villas-Boas com o sonho de estar entre as oito melhores equipas da Europa. Já FC Porto e Sporting não tiveram um sorteio favorável, ao calhar-lhes em sorte duas equipas alemãs: Borussia Dortmund e Bayer Leverkusen, respetivamente. Teoricamente, o Sporting de Braga terá o adversário mais acessível de todos, dado que irá jogar frente ao Sion. No entanto, estamos perante um desporto com grande dose de imprevisibilidade associada, daí toda a magia do futebol.

, ,