Turismo Sénior em Portugal

O “Turismo Sénior” consiste num programa de férias lúdico-culturais, tendo como objetivos melhorar a qualidade de vida e o bem-estar da população com 60 ou mais anos de idade; estimular a interação social, enquanto fator de combate à solidão e exclusão; possibilitar à população sénior com menores recursos financeiros o usufruto de períodos de férias e lazer; incentivar esta população à prática de turismo e dinamizar a atividade económica e cultural das regiões onde o Programa é desenvolvido.
O “Saúde e Termalismo Sénior” consiste num programa de férias e lazer, à semelhança do “Turismo Sénior”, diferenciando-se, no entanto, pela sua duração e, mais importante, pelo fator “saúde e bem-estar. É uma programação rica em atividades culturais e turísticas e oferece aos participantes as condições e ambientes próprios à realização de tratamentos termais em algumas das melhores estâncias no território nacional, sendo este fator contemplado na definição do plano de atividades.
Em Portugal existem fundamentalmente três programas para pessoas com 60 anos e mais: Turismo Sénior e Saúde e Termalismo Sénior, programas oferecidos pela Fundação INATEL, a qual se ocupa de programas de turismo social para vários segmentos que possuem constrangimentos à prática de atividades turísticas e, ainda, um programa das Misericórdias Portuguesas através da Turicórdia.
O Programa de turismo social das Misericórdias Portuguesas é desenvolvido através da Turicórdia que é uma estrutura de referência nacional ao nível da inovação, da qualidade, da eficiência e da eficácia, com vista a assumir-se como uma linha de serviço determinante e que a União das Misericórdias Portuguesas (UMP) põe ao dispor das suas associadas.
À Turicórdia compete desenvolver uma Rede de Turismo Social com as Misericórdias Portuguesas; promover o Envelhecimento Ativo nas Misericórdias Portuguesas e na própria comunidade local; realizar ações de informação e aconselhamento às Misericórdias que pretendam conhecer o projeto e integrar a Rede de Turismo Social.
As atividades da Turicórdia desenvolvem-se em três grandes áreas: Turismo, animação sociocultural e relacionamento interpessoal .
A oferta de programas de turismo social visa proporcionar viagens turísticas a um grupo de pessoas que, na maioria dos casos, e por vários tipos de constrangimentos, poderia não viajar. Também proporciona impactos consideráveis, tanto a nível social como cultural e económico.
Esses impactos poderão ocorrer tanto nas economias de origem dos participantes destes programas como nas economias de destino, salientando-se também o impacto nos próprios utentes.
Os benefícios da participação dos indivíduos em viagens turísticas são fortemente reconhecidos na literatura, podendo ser categorizados em três grandes dimensões: benefícios a nível físico e psicológico, benefícios em termos de aprendizagem e benefícios em termos de socialização.
Apesar do papel relevante que este Programa de Turismo Social desempenha para o bem-estar dos seniores, o número de seniores portugueses que participa no programa é, ainda, muito limitado, quando comparado com o número total de residentes em Portugal.
Para a promoção do turismo para idosos foi criado o Clube de Turismo Sénior que é uma estrutura associativa informal, sem fins lucrativos, criada com o objetivo de promover e desenvolver um conjunto alargado e diversificado de atividades de turismo e lazer vocacionadas para seniores.

, ,